Personal tools

ABRASPE

Crônica Destaque

"Vamos trabalhar pela afirmação (ou reafirmação) da existência do pedestre, a mais antiga qualificação humana do mundo. Da existência e dos direitos que lhe são próprios, tão simples, tão naturais, e que se condensam num só: o direito de andar, de ir e vir, previsto em todas as constituições... o mais humilde e o mais desprezado de todos os direitos do homem. Com licença: queremos passar."

Crônica de Carlos Drummond de Andrade, "O Direito de Ir e Vir", escrita quando tomou conhecimento da organização do núcleo da ABRASPE no Rio.

Patrocinadores
Apoiadores
Crônicas

MANIFESTO DIRIGIDO AO CONSELHO NACIONAL DE TRÂNSITO

Trata-se de manifestação da sociedade civil contra a Resolução 214 do CONTRAN que tornou obrigatória a sinalização do local dos medidores eletrônicos de velocidade e exigiu, também, que eles fiquem às vistas dos motoristas, tornando ineficaz o sistema de controle de velocidade em nossas ruas e rodovias. É nossa homenagem ao DIA MUNDIAL EM MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DE TRÂNSITO RODOVIÁRIO comemorado no terceiro domigo de novembro

Enquete
O que você achou do novo site da ABRASPE?